2009 estragou 2010?

"Uma boa campanha no Brasileirão significa sucesso no ano seguinte, certo? Não para um médio, como o Avaí. Com o sexto lugar na série A de 2009, grandes clubes abriram o olho para os destaques do Leão da Ilha. Nada menos do que nove titulares deixaram a Ressacada, entre eles, Léo Gago, Marquinhos e Muriqui. Mais do que isso, o técnico-revelação Silas, um dos responsáveis pelo sucesso do time, foi para o Grêmio. O substituto Péricles Chamusca chega com a missão de manter o time competitivo em 2010."

É assim que a 1001° edição da revista placar descreve o Avaí para o ano de 2010. Uma equipe remontada que terá muita dificuldade e uma grande chance de cair para a segunda divisão. De acordo com a revista o ponto fraco do Leão é o vai e vem na titularidade da equipe que a torna menos competitiva.

A revista ainda aponta mais nove equipes além do Avaí com chances de disputar a segunda divisão em 2011: Atlético Goianiense, Atlético Paranaense, Botafogo, Ceará, Goiás, Guarani, Palmeiras, Grêmio Prudente e Vitória.

Eu discordo plenamente da revista Placar com relação ao Avaí. Acredito muito no trabalho deste grupo, que mesmo sem contratar medalhões vem fazendo uma campanha boa no Brasileirão. É claro que ainda necessita de algumas peças de reposição como toda equipe que disputa um campeonato tão competitivo como a série A, mas a base não é ruim.

O ponto positivo da revista ficou pela posição do Leão no ranking da Placar com a 32° posição e a frente do nosso co-irmão do estreito que ocupa hoje a 34° posição. A revista ainda tem a maioria do seu conteúdo disponível no site placar.com.br/revistaplacar, é só clicar e conferir.

Mas você torcedor, o que acha da opinião da revista Placar?

5 comentários:

Neto Mattos disse...

Assim que é bom, chega no final da temporada e vamos surpreender novamente!!!!


LIBERTADORES NOS AGUARDA EM 2011.

GutoAtherino disse...

simples, alguém (ou alguma organização) que, num total de 20 clubes, aponta 10 como candidatos ao rebaixamento não pode ser levado a sério. Isso pra mim pode ser duas coisas: ficaram em cima do muro; ou ficaram com preguiça de estudar direito como cada clube se preparou.

Do mais, o Guia da Placar é o único que ainda não comprei. Parece ser bom, ou pelo menos, no mesmo nível do da GloboEsporte.

Abraços,
Guto

Anderson disse...

O guia é excelente mesmo, porém discordo de alguns candidatos ao rebaixamento da revista. Cada um escreve o que acha!

abraços

Fábio Fejaum disse...

Concordo com o Neto Mattos:

"Assim que é bom, chega no final da temporada e vamos surpreender novamente!!!!"

JulioAzzurra disse...

Valeu pela dica do Guia do Brasileirão 2010.

Note que na página 9, temos o tradicional Ranking da Placar, que acompanha o Brasileirão de 1971 a 2009.

O critério é simples e quase igual a F1. 10 pontos ao campeão, 9 para o vice, etc... até 1 ponto para o 10. lugar.

Sob este critério o São Paulo é o líder disparado com 191 pontos.

O interessante é a classificação do Avaí (5 participações), 32. lugar junto com o Náutico, com 5 pontos. (graças ao sexto lugar em 2009).

Nosso primo segundo do outro lado da ponte, mesmo com 12 participações no Brasileirão tem 4 pontos e é o 36. lugar.

O JEC está com 3 pontos em 37. lugar.

O Tigre não figura no ranking.

Um abraço,

Julio Azzurra

Postar um comentário