Alô dotô, e os preços na Ressacada como ficam?

Infelizmente ficam na mesma. Uma pena, pois mais uma vez o Avaí mostra que torcedor em campo não é prioridade, mas sim dinheiro em caixa. Não satisfeito com um dos maiores preços aplicados em todo o Brasil, nosso clube insiste em não fazer um setor popular, desfavorecendo aquele torcedor apaixonado que sempre acompanhou o clube e que agora devido aos altos preços dos ingressos prefere ficar em casa pagando o PFC.

Na minha opinião lugar de torcedor é em campo. Nos momentos que o clube mais precisou ele sempre esteve presente e agora não poderia ser diferente. Sei que não só a minha como a opinião de outros blogueiros não tem valor neste momento, mas infelizmente refletimos a voz do torcedor. E hoje apesar de toda a felicidade com todas as conquistas, o Avaí perde a cada jogo grande parcela do seu torcedor apaixonado que vê da TV o futebol Catarinense sendo elitizado!

1 comentários:

Fábio Fejaum disse...

Excelente Anderson!
É triste ver a Ressacada sempre vazia em um ano tão especial...
Ainda tenho esperanças que os ingressos e mensalidades fiquem mais acessíveis...

Abraços!

Postar um comentário