Ressacada mudará de nome?

Segue post do blog do João Henrique Areias, que foi contratado pelo Avaí para prestar consultoria em marketing:
"Após 5 semanas convivendo com os colaboradores e a diretoria do Avaí, pude entender como este clube saiu da série B em 2008 e alcançar o sexto lugar no Campeonato Brasileiro de 2009.
Comandados pelo presidente Zunino, empresário de sucesso em Santa Catarina, um grupo pequeno de funcionários e diretores, com garra, desenvolveram projetos que lhes rendeu o Top de Marketing da ADVB-SC 2009. Agora estão buscando um selo de qualidade organizacional, o ISO 9000.
Bem, estamos ajudando a estruturar o Departamento de Negócios (marketing, comercial e comunicação) e criando alguns novos produtos, como o Clube dos 30, que será detalhado no próximo post. Também estamos buscando uma empresa para dar nome ao estádio (naming rights) e o patrocinador máster do clube."
Nota do Blog: No mínimo intrigante. Seguindo este exemplo, podemos citar a Arena da Baixada do Atlético Paranaense, que após conseguir contrato com a Kyocera para dar nome ao estádio, virou Kyocera Arena. É claro que dói pensar que o nome Estádio Aderbal Ramos da Silva poderá mudar para "Patrocinador Master Arena", mas na minha opinião, vindo dinheiro grande e sendo bom para o clube, é uma ação necessária.
Mas uma coisa é certa: nunca deixará de ser a nossa Ressacada.
Este post vi primeiro no blog do Avaí na Globo.com

6 comentários:

Fabio Machado disse...

Vamos raciocinar de forma lógica. Se virou Aderbal Ramos da Silva, é porque o falecido político deu muito dinheiro ao Avaí. Agora se o torcedor vai deixar de usar o carinhoso apelido de Ressacada, aí é outra história.

Fábio Fejaum disse...

Exatamente xará!
Nossa "sorte" é que o estádio do Avaí é mais conhecido pelo seu apelido simpático do que pelo nome de fato. Dessa forma, podem mudar o nome até para "Estádio da Gorete" que sempre será conhecida como Ressacada.

Abraços!

Anônimo disse...

se for pra fazer propaganda politica de graça...vamos fazer propaganda marketeira com dinheiro na caixinha =)
o maior nome na camisa do avai foi PAUTA por um bom tempo...e nunca vi alguem confundir avai por pauta...eheheheh
só espero por reformas no exterior da ressacada...estamos precisando muito...

CristianTM disse...

Perfeito, é bem isso q penso. O nome já não é Ressacada, mas todo mundo fala Ressacada. Batizem com o nome que quiserem, principalmente entrando $$$, a torcida continuará chamando de Ressacada e aposto até que jornalistas também continuarão.

Thiago Pravatto disse...

Fejaum,

a Ressacada para os avaianos, nunca deixará de ser Resscada.

O que está acontecendo, é uma grande ação de marketing, já muito utilizada nos Estados Unidos em estádios de Baseball, Basqueste, assim como na Europa nos estádios de Futebol, como o Emirates Stadium, do Arsenal.

O Naming Right, que é o Clube ceder o direito a um patrocinador colocar o seu nome no Estádio, nada mais é do que, esse nome ser usado na mídia, como forma de publicidade para o Patrocinador.

Essa prática é ainda pouco explorada no Brasil, porém como você citou, o Atlético Paranaense usou na sua Arena, que foi por algum tempo usado como Kyocera Arena, sendo assim, um grande meio para os Clubes (principalmente como o Avaí), que não possui cotas de patrocínios gigantescas, ter mais uma fonte de renda.

Grande abraço!

Fábio Fejaum disse...

Valeu pelo complemento Pravatto! =)

Abraços guri!

Postar um comentário