"Muito business, pouca paixão"

Lembro de uma entrevista de Marco Aurélio Cunha (foto), atual superintendente de futebol do São Paulo Futebol Clube e ex-Avaí e ex-Figueirense, que me chamou muito a atenção.
Na época, o Avaí estava jogando de forma mediana, lutando por dias melhores da segunda divisão do futebol brasileiro, quando nosso co-irmão estava na Série A.
Marco Aurélio foi perguntado o que achava dos clubes da capital de Santa Catarina. Em sua resposta, ele disse que se tivesse dinheiro para investir em um clube no Brasil, sem dúvidas um desses clubes seria o Avaí Futebol Clube. Isso, pois segundo ele na época, é um clube movido pela paixão, desde a grande torcida até a diretoria.
Quando perguntado em relação ao Figueirense, a resposta foi a seguinte: "Lá é muito business, pouca paixão!".
Depois dessa entrevista, anos se passaram, o mundo do futebol deu voltas e o tricolor do estreito acabou amargando o rebaixamento e o leão da ilha o acesso à Série A.
Hoje, o tricolor está sofrendo pelas marcas que o "business" deixou no seu clube e aos poucos, está tentando fazer com que volte o velho espírito à diretoria.
E o Avaí? Sim, nós todos somos gratos à tudo que a atual diretoria nos proporcionou nos últimos anos. Sim, estamos cientes que os gastos para fazer o Avaí ser o que é hoje foram gigantescos. Sim, nós sabemos que o presidente Zunino tirou milhões do seu bolso para manter o Avaí Futebol Clube e transformá-lo na máquina que é hoje. Mas o que também sabemos é que se a diretoria tentar recuperar o dinheiro investido de uma vez só, sem calma e sem pensar no torcedor de agora, teremos um futuro negro pela frente.
Diretoria, por favor. Pense nos atos que estão sendo feitos hoje, para não acordar quando for tarde demais!
O exemplo está logo ali, atravessando a ponte...

4 comentários:

Anônimo disse...

Fora Zunino.

Fábio Fejaum disse...

Anônimo,

Não cheguemos à tanto. A ordem é alertar à diretoria que no momento, estão fazendo a coisa errada. Basta este "detalhe" ser entendido que o Avaí voltará a ser o que todos os avaianos esperam.

Abraços!

Anônimo disse...

INFELIZMENTE ESSE SERÁ O CAMINHO DO AVAÍ, SE CONTINUAR A AGIR DESSA FORMA. OS DO OUTRO LADO DA PONTE ESTÃO PAGANDO PELOS MESMOS ERROS QUE O AVAÍ ESTÁ QUERENDO COMETER. SERÁ QUE TEREMOS SEMPRE QUE SER SOMBRA DELES? QUEREM SER IGUAIS AO TIME DO ESTREITO? VOLTAR PRÁ SÉRIE B?

Fábio Fejaum disse...

Anônimo,

Também temo muito que o Avaí tenha o mesmo caminho do co-irmão. O problema é que o tempo está correndo e não vejo a diretoria se mexer para arrumar esta situação!

Abraços!

Postar um comentário